Arquivos

Categorias

  • Nenhuma categoria

Mercado fica de olho em decisão da China sobre carne suína alemã

(Bloomberg) — Cresce o nervosismo em torno da possível suspensão pela China das importações de carne suína da Alemanha, maior produtor da Europa, devido a preocupações relacionadas à peste suína africana. O país asiático é o maior consumidor mundial de carne de porco.Alemanha, que conta com a China para quase dois terços de suas exportações de carne suína, confirmou um caso da peste suína africana na quinta-feira. Depois do anúncio, Coreia do Sul e Japão suspenderam as compras, e Taiwan começou a inspecionar as bagagens de passageiros vindos da Alemanha.A proibição da China de importações de fornecedores alemães ou áreas específicas onde a doença foi identificada é inevitável, disse Ma Chuang, vice-secretário-geral da Associação Chinesa de Ciência Animal e Medicina Veterinária.

O caso alemão foi detectado em um javali morto perto da fronteira com a Polônia. A proibição da China representaria mais um obstáculo para o país europeu, que ainda enfrenta o impacto econômico da pandemia. A China havia anunciado há poucos que iria retomar as importações de carne suína de alguns frigoríficos alemães que foram anteriormente afetados pelo coronavírus.A China, maior produtora de suínos do mundo, também combate a peste suína em suas próprias fazendas desde o primeiro relato de um surto em 2018. A doença provocou falta do produto no mercado após reduzir os rebanhos pela metade, elevando os preços da carne suína no país e as importações para níveis recordes.A Alemanha foi o terceiro maior fornecedor de carne suína da China no primeiro semestre, depois dos Estados Unidos e da Espanha. Uma redução na oferta da Alemanha pode beneficiar produtores, incluindo EUA e Brasil, cujas exportações para a China estão crescendo, disse Lin Guofa, analista sênior do Bric Agriculture Group.O caso de peste suína na Alemanha deve reduzir as importações chinesas do país, como aconteceu com a Bélgica em problema semelhante em 2018, disse Ma. No entanto, terá impacto limitado em animais para reprodução do país asiático, que compra principalmente da França e Dinamarca, disse.Aprenda a fazer das opções uma fonte recorrente de ganhos, de forma responsável e partindo do zero, em um curso 100% gratuito!

Fonte: InfoMoney